Tom: Eb

Eb                                   Db
Diga, você me conhece, eu já fui boiadeiro
                                    Ab
Conheço estas trilhas, quilômetros, milhas
Que vem e que vão pelo alto sertão
                        Db         Ab
Que agora se chama não mais de sertão
       Db       Ab      Db    Ab  Eb/G  Db/F
Mas de terra vendida, civilização

Ventos que arrombam janelas e arrancam porteiras
Espora de prata riscando as fronteiras
Selei meu cavalo, matula no fardo, andando ligeiro
Um abraço apertado, um suspiro dobrado
Não tem mais sertão

Db
Os caminhos mudam com o tempo
Eb
Só o tempo muda um coração
Db/F
Segue seu destino, boiadeiro
                            Ab    Eb/Bb    Ab/C
Que a boiada foi no caminhão

Db                               Eb
A fogueira, a noite, redes no galpão
Db/F
O paiero, a moda, o mate, a prosa
A saga, a sina, o causo e onça
          Ab
Tem mais não
Eb  Db  Ab
Oh peão

Tempos e vidas cumpridas
Pó, poeira estrada, estórias contidas
Nas encruzilhadas, em noites perdidas
No meio do mundo, mundão cabeludo
Onde tudo é floresta
E campinas silvestres
Mundão caba não

Saiba que prum bom viajante
Nada é distante
Prum bom companheiro
Não conta o dinheiro 
Existe uma vida, uma vida vivida
Sentida e sofrida de vez por inteiro
E este é o preço pra eu ser brasileiro


Enviada por Sem inscrição
Nº de acordes: 7